Para meu amor: coração no pó

MINHA CASA, MINHA INSPIRAÇÃO: UM OLHAR, UM CLIQUE, UM PENSAMENTO.
Sexta-feira, ainda pela manhã...

Com a lixadeira, o pó,
Com o pó, um coração, 
Com o coração, uma poesia!

Tudo para o meu amor:
O pó, o coração,
e principalmente a poesia!

Pois assim que ela chegar para almoçar,
Sentirá ira ao ver o pó,
Mas amansará a raiva ao tocar o coração,
E talvez perdoará ao ouvir a poesia.

Mas pobre de mim,
Se a poesia não for ouvida
E se o coração não for tocado,
Então ela verá somente o pó, 
E com o pó, a ira!

Enquanto isso sofro,
Sofro com a lixadeira,
Sofro com a incerteza,
Tentando melhorar a poesia
E encontrar uma boa rima!

Tudo antes do meu amor chegar para almoçar,
Para que ela não se engasgue,
Para que ela não me esgane,
E para que ela, principalmente,
Nunca, 
Jamais,
Me abandone.







Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s