Manifestar ou comemorar a Independência do Brasil?

Conforme registrado na história do Brasil, às margens do Rio Ipiranga, no dia 7 de setembro de 1822, Dom Pedro I, em um grito de liberdade, ratificou a ordem de Independência do Brasil.

Uma série de fatos históricos, anteriores e posteriores, permearam esse momento, mas algo que podemos destacar a partir de então, é o surgimento do Brasil enquanto nação independente e a consequente construção da nacionalidade brasileira.

Caminhando por esse viés, ao completamos 199 anos da Independência do Brasil, ainda percebemos que a batalha por manter a independência é diária, pois os aspectos basilares de uma nação, positivados em sua Constituição, devem ser fortalecidos todos os dias, para que não restem dúvidas sobre os fundamentos de um Estado Democrático de Direito.

Vê-se que a Liberdade e a Democracia são mantidas e fortalecidas quando o povo caminha livremente pelas ruas, empunhando a sua bandeira verde e amarela, quando os filhos da pátria amada elevam a sua voz e dão a sua opinião sem serem tolhidos arbitrariamente.

Dessa forma, no dia em que comemoramos o aniversário de independência desta nação, manifestar e ostentar as cores de nossa bandeira não é uma mera escolha sem importância. Vejamos:

Manifestação: conjunto de várias pessoas que, geralmente, se juntam para expressar publicamente uma opinião, ideia, sentimento etc.

Comemoração: festividade; celebração que se realiza para comemorar ou para lembrar um evento, uma data, uma situação importante.

Manifestar e comemorar, portanto, deve ser a tônica no 7 de Setembro! Cada cidadão deve ter a oportunidade de manifestar livremente as suas ideias, seus sentimentos em relação a este pujante país, chamado de lar; cada brasileiro deve ter a oportunidade de comemorar a Independência desta terra e expressar a sua nacionalidade com amor e orgulho de nossa identidade.

Devido à pandemia e as restrições sanitárias, a maioria dos grandes desfiles e eventos comemorativos não ocorrerão, mas que o espírito cívico, natural neste dia, não seja em nenhum momento esquecido.

Assim, se você tiver a bandeira do Brasil, deixe-a visível na frente de sua residência; vista-se com uma das cores simbólicas desta gentil, forte e bela terra; ao sair para passear ou caminhar com a sua família, sorria, mesmo que as demais pessoas não vejam a plenitude do sorriso, pois ele estará encoberto por uma máscara preventiva; converse com seus filhos sobre a importância de manifestar e comemorar a Independência do Brasil, pois eles serão aqueles que ecoarão os valores que herdamos de nossos pais, que por sua vez herdaram de nossos avós; se você fizer parte de alguma rede social, publique uma mensagem, uma fotografia ou vídeo, enaltecendo a retidão, a Ordem e o Progresso, e o quanto este país e as pessoas de bem que aqui vivem, desejam e trabalham para ter um país cada vez melhor.

Que este 7 de Setembro sirva, sobretudo, para refletirmos sobre a nossa realidade e tudo aquilo que podemos fazer para deixar um legado de esperança, patriotismo e amor.

Terra adorada Entre outras mil,

És tu, Brasil, Ó Pátria amada!

Dos filhos deste solo és mãe gentil,

Pátria amada, Brasil!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s