100 Formas de Amar – 4 a 9

4. 24 de março

Como é interessante a textura do seu peito esquerdo. Pude senti-lo enquanto o agradava e víamos o filme. “Calma, como isso não aconteceu?!” – Ora, não é nada disso que você está pensando! Foi quando agradei o seu peito do pé, pois sei lá se essa parte do corpo tem outro nome 😀 😀

5. 25 de março

Que vontade de beliscar a gordurinha de sua cintura. Pois aquele seu vestido azul escuro, com aquelas aberturas estratégicas, fez voar a imaginação e turbilhões de pensamentos passaram, entre eles beliscar, cutucar, beijar…

6. 26 de março

A taça de vinho envolvida em suas mãos. O tocar dos seus lábios naquele líquido tinto adocicado. Que vontade de me embriagar em sua boca…

7. 27 de março

Sentada à mesa, a luz branca, o brilho dos seus olhos refletem a beleza do mundo, mas também são profundos e enigmáticos.

8. 28 de março

O beijo de bom-dia tocou meus olhos, senti a textura de sua boca ao amanhecer, quando você disse adeus e se foi… para o trabalho. O beijo e a sensação permaneceram…

9. 29 de março

Quando brinco, por mais forte que esteja a sua dor, é para arrancar um pequeno sorriso dos seus lábios. Como eu queria que esse pesadelo saísse de sua cabeça e habitasse o meu mundo. Prefiro ter a dor a vê-la sofrer.

jake curitiba

100 Formas de Amar: 1 a 3

100 Formas de Amar: o início

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s