Mulher de verniz

Passei a vida a esperar e
Sempre sonhava com um alguém,
Mas eu nem poderia imaginar
Que este alguém um dia seria você,
Que estava tão perto e eu nem percebia
Que os olhares que me lançava
Eram cheios de paixão e sedução!

Os meus, porém, pura ilusão…

Por que’u fui tão sonhador
Desejando a mulher de verniz?
Estava cego, não via o tempo passar
E ver ao menos meu amor aumentar
Por que fui tão sonhador
Não permitindo que entrasse
Em meu solitário coração?

Sonhador? Tanta dor…

O tempo passou
O velho corpo cansou
A ilusão sumiu ao amanhecer
O quadro se fez aos meus olhos,
Podia ver
Os sentimentos que viviam em você
E que aos poucos emergiam em mim,
Mulher pura, de coração!

O verniz, agora recordação…

Por que fui tão sonhador
Desejando a mulher de verniz?
Estava cego e não via o tempo passar
E nem ao menos o amor brotar.

Cegueira, da alma, do olhar…

Por que tão sonhador?
Poderíamos estar juntos faz muito tempo,
Mas não imaginava que seria você
Tão perto, tão longe, tão perto!

Sonhador? ilusão? realidade…

imagem: https://wall.alphacoders.com/big.php?i=281472

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s